78% dos alunos do seletivo de Maiorca fizérom as provas em catalão

Coletivos normalizadores salientam que se produziu um incremento continuado do uso desde o ano 1992

Sexta, 30 Julho 2010 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL Países Catalães - Quase oito em cada dez alunos do seletivo de Maiorca realizárom as provas de acesso à universidade em catalão. Em total, 78% do alunado optou por esta língua, o qual evidencia um ascenso continuado desde 1992.

Coletivos normalizadores consideram importante este dado, sobretudo quando tem havido "tantos motivos de preocupaçom polo futuro do catalão" nas Ilhas Baleares. Esta constataçom permite um "certo optimismo" que, no entanto, leva para "extremar a atençom" à pressom social exercida polo castelhano, ultramaioritário em setores como a comunicaçom, o comércio ou os serviços, especialmente pola turistificaçom do arquipélago.

Outra das valorizações positivas é que este uso crescente do catalão se dá no ensino, o qual revela que os maiorquinos que acederám aos estudos superiores assumirám, "numha maioria muito qualificada", o catalão como língua normal de cultura, um facto "inédito" na história da língua nas Ilhas.