'La Vanguardia' sairá também em catalám a partir do mês de maio

A ediçom em catalám nom será uma traduçom automática da castelhana

Segunda, 28 Fevereiro 2011 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - O diário 'la Vanguardia' anunciou na sua ediçom de ontem que lançará uma ediçom em catalám a partir do mês de maio deste ano. Num artigo editorial assinado por Javier de Godó, editor do Grupo Godó, proprietário do diário, este afirma que 'a partir do mês de maio La Vanguardia será também um grande diário europeu em catalám'.

O diretor de comunicaçom do Grupo Godó, Màrius Carol, confirmou que as duas edições manterám o mesmo cabeçalho azul, e que a catalã levará uma pequena aba verde ao final com um ".CAT".

A diferença do que se passa com El Periódico de Catalunya, a ediçom em catalám nom será uma traduçom automática (e supervisionada) da ediçom original em castelhano, senom que cada trabalhador ou colaborador do diário escolherá em que língua quer elaborar o seu artigo e ao mesmo tempo coordenará a equipa de tradutores e corretores para traduzi-lo à outra ediçom.

Segundo os estudos de mercado do grupo comunicativo esperam repartir as vendas que têm aproximadamente aos 50% em cada uma das duas edições e, provavelmente, ganhar no mínimo 3.000 de novos compradores, apesar da crise do setor.

Desde ontem domingo de manhã já há uma conta de Twitter, LaVanguardiaCAT, e um de Facebook, 'Neix La Vanguardia en català', onde irám narrando o nascimento da nova ediçom em catalám.

A criaçom desta ediçom em língua catalã de 'La Vanguardia' tem sido motivo de muitos rumores nos últimos anos e a própria editora tinha falado em público. Agora, no entanto, a decisom é definitiva. De fato hoje, segunda-feira, Vic acolherá a primeira apresentaçom do novo produto, que será dado a conhecer em mais de 40 localidades do Principado antes do 3 de maio.