Tv3 emitirá proximamente de forma oficial na Catalunha do Norte

Os canais da CCMA podem ser sintonizados desde há um ano de forma alegal, mas um acordo interestatal legalizará as emissões no território sob administração francesa

Quarta, 06 Abril 2011 10:24

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - TVC logo chegará a Perpinhão. Se até agora já recebiam o sinal da televisão catalã no Rosselhão, no Valhespir, na Costa Vermelha e na alta Cerdanha, apesar de que sem quadro jurídico, agora o ministro dos Assuntos Estrageneiros francês, Alain Juppé, anunciou a sua tramitação legal.

 

 

Através de uma carta dirigida ao deputado norte-catalão François Calvet, o ministro francês anuncia que um projecto de acordo tem sido enviado ao governo de Madri respondendo à procura dos espectadores de forma que seja elaborado um plano de frequências de televisão e rádio para ambos lados do Pirineu.

Com esta nova regulação também está previsto legalizar as emissões de Flaix FM bem como as quatro emissoras do grupo de Catalunya Ràdio que hoje em dia som sintonizadas de maneira desigual em Perpinhão. Como consequência, o Conselho do Audiovisual da Catalunha (CAC) já fez as gestões com o ministério dos Assuntos Estrangeiros e Europeus do governo francês para proceder a um intercâmbio de frequências de televisão e rádio transfronterizas para permitir a recepção das rádios e as televisões públicas da Catalunha.

A situação tinha que ser regulada depois que com o apagão analógico muitos telespectadores ficassem sem receber nenhuma televisão em catalão e que as rádios catalãs tivessem que reduzir a potência das suas emissões e, consequentemente, se encontrassem numa situação de alegalidade, segundo informou o digital norte-catalão La Clau.

 

Fonte original: