Inquérito sociolinguístico: 32% da populaçom basca maior de 16 sabem euskera

No território de Guipúscoa a percentagem sobe até os 49,9%

Terça, 13 Março 2012 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - A dia de hoje na Comunidade Autónoma Basca um total de 600.050 pessoas conhecem e usam o euskera, conforme o quinto inquérito sociolinguístico elaborado pola Empresa Sideco para o Governo basco e que foi apresentada no passado dia 7 em Donostia pola conselheira de Cultura Blanca Urgell, a vice-conselheira de Política Lingüística, Lurdes Auzmendi, e o diretor de Investigaçom e Coordenaçom Iván Igartua.

Em dados, 32% dos vascos conhecem euskera, porcentagem que se acrescente até os 49,9% em Guipúscoa. É assim que na Comunidade Autónoma Basca (CAB) um total de 600.050 pessoas conhecem e usam o euskera, 181.000 mais que no ano de 1991.

Esta sondagem foi realizada em todos os territórios em que se fala euskera, porém, a conselheria de Cultura informou de que os dados referidos a Nafarroa e Iparralde demorarám vários meses em ser publicados. No que respeita à CAB um total de 4.200 inquéritos forom realizados, 1.744 correspondem a Biscaia, 1.637 a Guipúscoa e 849 a Araba.

Através destes inquéritos expresa-se que o uso do euskera medrou devagar nos três territórios da CAB. O crescimento mais significativos do conhecimento do euskera produziu-se em Araba, com umha porcentagem de 16,8%; 25,4% em Biskaia; por último Guipúscoa, onde essa porcentagem medra de modo considerável até atingir os 49,9% da populaçom.

A sondagem reflecte também a progressom nos três territórios face um maior conhecimento desta lingua, com umha reduçom em 20 anos de 224.000 falantes de castelhano. Assim mesmo outros dados expressam que, 6 em cada 10 falantes son “euskalduns zaharras”, basco-falantes nativos, enquanto as pessoas mais novas aprendem, numha maior porcentagem, o idioma fora de seu entorno familiar, na escola ou no Euskaltegi.

É assim que a conselheira de Cultura Blanca Urgell, resenhou que a porcentagem maior de pessoas com domínio do euskera situa-se entre os 16 e 24 anos. Pola sua parte, Igartua, diretor da investigaçom e coordenaçom, assinalou que uns 20% da populaçom utilizam o euskera de forma intensa, e indicou que o aumento do euskera foi muito significativo nos últimos anos nos âmbitos mais formais, assim que acrescentou-se nuns 73% nos últimos anos no âmbito dos serviços municipais e nus 59% nos serviços sanitários.

 

 

+ Mais info:

  • ASEH [inclui notícia sobre discriminaçom do euskera na sinalética em Nafarroa]
  • Ver: Gara e Berria e Deia