MIL apoia iniciativa dos sindicatos do ensino da Galiza reclamando vagas de português

O MIL tem tido a este respeito uma posição coerente e consequente, na defesa da autonomia linguística e cultural da Galiza

Quarta, 12 Janeiro 2011 09:24

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

MIL - O Movimento Internacional Lusófono (MIL) apoia publicamente a recente iniciativa de vários sindicatos da educação da Galiza, que, conforme o noticiado, “exigiram ao Governo regional a inclusão do português como segunda língua estrangeira opcional no ensino secundário e a abertura de vagas para professores especialistas em língua portuguesa”, situação que já ocorre em outras regiões de Espanha, como na Extremadura.

Lembramos que o MIL tem tido a este respeito uma posição coerente e consequente, na defesa da autonomia linguística e cultural da Galiza, em apoio de todas as entidades que, na Galiza, pugnam por essa autonomia, no reconhecimento da pertença da Galiza ao espaço lusófono.

 

+ Ligações relacionadas: