Ana López Suevos: “No âmbito da justiça som escassos os avances na normalizaçom do galego”

«É necessária umha reforma legislativa importante»

Quarta, 18 Novembro 2009 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL – O Movimento polos Direitos Civis (MPDC) entrevistou Ana López-Suevos, magistrada em Santiago de Compostela, quem explica que o galego está ausente da linguagem jurídica e do dia a dia dos julgados numhas percentagens demasiado elevadas.

A magistrada explica na entrevista que, no âmbito da justiça, a normalizaçom da língua galega e os avanços som escassos e argumenta que para o galego poder estar presente em igualdade de condiçons com o castelhano é necessária umha «reforma legislativa importante que reconheça de maneira expressa que o cidadám tem direito a que os seus procedimentos judiciais sejam tramitados em galego».

Ainda, López-Suevos fala doutros temas de actualidade como a greve dos juízes, ou as reformas do sistema judicial galego.

 

+ Ligaçons relacionadas: