éMundial: Entrevista com Hevi e Caldeirada, integrantes de Malandrómeda

«Queremos que nos escuitem em Pernambuco, Kansai, Escócia ou Cacheiras»

Segunda, 20 Junho 2011 07:12

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - No site do éMundial acaba de ser publicada umha entrevista com o duo Malandrómeda, integrado por Hevi e Caldeirada, dous dos pioneiros do rap em galego e que já integrárom outros grupos e projetos, entre os quais Colectivo Urbano ou Non Residentz. Participarám no éMundial com um espetáculo showcase de hip-hop no dia 9 de julho.

O duo compostelano leva tempo a apresentar por diferentes vilas e cidades do País um maxisingle que vem como adianto do LP que estám a preparar. O máxi contém dous temas novos, «rapidinhos e com um sabor a rocanrol desfigurado», asseguram. Aliás, inclui as remisturas que figérom produtores do calibre de Kaze e Mou, que «levam os temas a outra dimensom» e que implica «um privilégio» para o grupo, indicam. O suporte, um «elegante» vinilo branco, foi publicado por temazo.org. Ainda, toda a discografia do grupo está disponível gratuitamente na rede de redes.

Na entrevista, descontraída e em tom humorístico —e ao mesmo tempo, reivindicativo—, refletem acerca da sua trajetória, da língua e do próprio espetáculo que oferecerám ao público do éMundial.

 

+ Ligaçons relacioandas: