éMundial: Entrevista com Diana Mira, do Festival Andanças

O festival juntou mais de 20.000 pessoas na ediçom de 2010

Quinta, 23 Junho 2011 07:21

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

Andanças logrou espaço próprio entre os principais eventos do verao

PGL - No site do éMundial acaba de ser publicada umha entrevista com Diana Mira, da associaçom portuguesa PédeXumbo, que anualmente organiza o Festival Andanças, virado para a música e dança tradicionais. Em 2011 atinge a 16ª ediçom, mais umha vez na freguesia de Carvalhais, em São Pedro do Sul, no distrito de Viseu.

Segundo Mira, trata-se «antes de mais, de um evento cultural» que promove aspetos da cultura imaterial «atualmente reconhecidas como parte enriquecedora do património», bem como a promoçom da cultura participativa.

A participaçom é, precisamente, a chave. «É o único festival de danças tradicionais na Europa que marca a vida cultural do país de forma tam presente», assinala, ao tempo que indica que «estamos na segunda geraçom de pessoas que atravessa o Festival».

Atualmente, Andanças, que no ano passado juntou mais de 20.000 pessoas «é presença obrigatória nas agendas culturais ao lado de outros festivais de verao de grande dimensom, o que nos orgulha».

Presença galega

Em quase todas as ediçons do festival houvo grupos e monitores galegos. «Muito pola proximidade geográfica, mas sobretudo por umha série de cumplicidades a nível pessoal com músicos e monitores de dança com visons alargadas sobre a música e dança», explica Diana Mira.

 

+ Ligaçons relacioandas: