OuTonalidades, Circuito Português de música ao vivo, agora também na Galiza

Estabelece-se assim um canal directo de divulgação para grupos portugueses na Galiza assim como para grupos galegos no circuito português

Segunda, 22 Setembro 2008 14:27

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

OuTonalidades 2008 - Portugal e Galiza

PGL Portugal - O circuito português de música ao vivo “OuTonalidades”, que vai para a sua 12ª edição, e decorre entre 10 de Outubro e 20 de Dezembro próximos, verá o seu roteiro amplamente alargado em 2008, muito para além dos 8 distritos portugueses em que já se realizou na última edição.

Desde já extenderá a sua implantação a quase toda a geografia do território português, ao mesmo tempo que agora se expande e de um modo inédito também para a Galiza, graças a um convénio entre a d'Orfeu e o IGAEM, Instituto Galego de Artes Escénicas, que garante um canal directo de divulgação para grupos portugueses na Galiza assim como para grupos galegos no circuito português.

Haverá assim lugar à participação de vários grupos portugueses do OuTonalidades na Galiza, bem como à presença no circuito português de grupos da Rede Galega de Música ao Vivo. Assim, actuarão em vários espaços em Portugal os galegos Carlos López Quartet, da Corunha, Niño e Pistola, de Baiona, A Tuna Rastafari, de Cangas de Morraço e os Moondogs Blues Party, também da Corunha. Os espaços galegos que recebem bandas portuguesas são a Sala Run Rum, em Ferrol, o Clavicémbalo, em Lugo, o Pub Gatos, em Melde, o Naútico, no Grove, o Aturuxo, em Bueu, o Clandestino, em Nigrã e o Café Cultural Roi Xordo, em Alhariz.

Do sítio do Outunalidades pode ler-se:

«À 12ª edição, o OuTonalidades reforça a sua rede de parcerias, num circuito que dá palco à música ao vivo nas noites de Outono. Na linha das últimas edições, é lançado um desafio de adesão a espaços com vocação cultural e hábitos de programação, como cafés-concerto, bares associativos ou de teatros e outros em que a música seja definitivamente mais importante que os copos mas não viva sem eles. A festa e a informalidade são marcas distintivas das ecléticas programações do OuTonalidades.

Aos grupos participantes é feito o convite para integrar um circuito cada vez mais alargado, o que significa, por isso, mais oportunidades. O OuTonalidades promove, em cada nova edição, a circulação e visibilidade de muitos grupos numa grande rede, com uma divulgação cruzada que se estende a todo o circuito, no qual é cada vez mais certo encontrar projectos artísticos de qualidade. Com este formato ganham, invariavelmente, os artistas, os espaços e os públicos.»

 

 

 

+ Ligaçons relacionadas: