Decrescimento, língua e território

Palestra sobre crise e língua na Faculdade de Sociologia da UdC

Terça, 09 Abril 2013 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

Celso Á. Cáccamo e Carlos Taibo

PGL - No Salão de Graus da Faculdade de Sociologia da Universidade da Corunha terá lugar na próxima quarta-feira, 10 de abril, às 12h00, uma interessante sessão sobre crise e língua com a participação dos professores Carlos Taibo (Universidad Autónoma de Madrid) e Celso Álvarez Cáccamo (Universidade da Corunha). Ambos serão apresentados por Arturo de Nieves, do Comité Organizador.

A exposição de Carlos Taibo estará subordinada ao título "Crise sistémica e organização social: a alternativa decrescentista"; a de Celso Álvarez Cáccamo ao de "Língua, valor e capital: o futuro da língua a debate". Sem dúvida um evento para não perder.

 

[Clicar na imagem para descarregar cartaz do evento em PDF]

 

Carlos Taibo (Madrid, 1956) é professor titular de Ciência Política na UAM. É autor de mais de trinta livros, muitos deles constituídos em materiais de referência, sobre questões diversas, entre as que destacam as transições nas ex-repúblicas soviéticas, a análise da globalização, a questão nacional e o decrescimento. Doutor em Ciência Política pola Universidad Autónoma de Madrid.

Celso Álvarez Cáccamo (Vigo, 1958) é professor titular na área de Linguística Geral da UdC. Estudioso da situação sócio-linguística galega, com mais de trinta anos de publicações ininterrompidas na matéria, tem também publicado trabalhos a nível internacional sobre Análise do Discurso, Alternância de Códigos, Ideologia e Poder. É doutor em sócio-linguística e antropologia linguística pola University of California at Berkeley.