Galiza, representada na Feira do Livro de Braga

Entre as atividades, um lançamento do cancioneiro Ayes de mi País

Segunda, 09 Maio 2011 07:46

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - No passado fim-de-semana, a Galiza estivo representada na Feira do Livro de Braga. De facto, as atividades do sábado dia 7 forom batizadas como 'Dia Galaico-Minhoto', e coordenárom o Centro de Estudos Galegos da Universidade do Minho e a Licenciatura de Música.

Na seqüência deste Dia Galaico-Minhoto tivo lugar o lançamento da obra Ayes de mi País, o primeiro e até agora inédito cancioneiro de música popular galega, uma compilaçom feita por Marcial de Valladares a meados do século XIX, cuja ediçom corresponde ao trabalho de José Luis do Pico Orjais e Isabel Rei Sanmartim.

Também houvo umha mesa de escritoras e escritores galegos com Teresa Moure, Carlos Quiroga, Séchu Sende, Lucia Novas, Andrea Nunes Brions, Belém de Andrade, Raquel Miragaia, Román Raña, Marilar Aleixandre, Mario Regueira e Marta Dacosta. A seguir, intervençom musical de Uxía Senlle e o músico brasileiro Sérgio Tannus.

Contra o serao, encontro de escritoras e escritores da Galiza e do Minho numha ceia oferecida pola Feira do Livro, que permitiu estabelecer relacionamento aos dous lados da Raia. Neste encontro participárom também o galego Elias Torres (Universidade de Santiago de Compostela) e o português Carlos Cunha (Universidade do Minho). Novamente houvo também atuaçom de Uxía e Tannus.

Instantáneo da presença galega na Feira do Livro de Braga (prima para ampliar)

[Fonte: blogue de Álvaro Iriarte]