A CiberIrmandade da Fala pede ajuda para o protesto contra a exclusom do galego nos computadores do Projecto Abalar

A Junta mantém-se no mutismo a respeito desta nova exclusom da nossa língua

Terça, 26 Outubro 2010 00:00

Atençom, abrirá numha nova janela. PDFVersom para impressomEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar no Twitter Compartilhar no Chuza Compartilhar no Facebook Compartilhar no DoMelhor

PGL - A Ciberirmandade da Fala está a procurar o apoio da sociedade para evitar que o galego nom fique fora dos computadores que a Junta prevê pôr a disposiçom da comunidade educativa e focados ao público mais jovem.

Da Ciberirmandade consideram que é de vital importáncia que os computadores tenham configurado o galego como língua preferente. Porém, polas informaçons de que se dispom, a nossa língua nom aparece na configuraçom inicial dos computadores do projecto, e muitos dos programas estavam unicamente em espanhol. Nesta altura, a Junta nem sequer desmentiu estas denúncias.

É por isso que a CiberIrmandade quer propor a participaçom na sua última campanha, com o intuito de solicitar aos responsáveis políticos que o galego seja a língua preferente nos portáteis do Projecto Abalar, ademais de que se podam oferecer outras línguas alternativas. Para participar pode-se cobrir este formulário online.


+ Ligaçons relacionadas: